ssocial.hemose@fsph.se.gov.br / ouvidoria@fsph.se.gov.br +55 79 3259-3174 / 3225-8037

Hemose: Entrega de declarações para isenção de taxa de concurso público é realizada das 7h30 às 15h

Para garantir mais tranquilidade e conforto aos doadores de sangue e de medula óssea, a gerência de Captação do Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose), unidade da Fundação de Saúde Parreiras Horta (FSPH) que integra a Rede Estadual de Saúde, informa que o horário para entrega de declarações para isenção da taxa de inscrição de concurso público é das 7h30 às 15h. O documento pode ser solicitado na unidade, de segunda à sexta-feira.
De acordo com a gerente do serviço, Josceline Souza, a medida visa assegurar um atendimento com qualidade aos voluntários que solicitam a declaração. Ela explica que com a abertura do concurso para policial militar, bombeiro e guarda prisional, os doadores estão procurando a instituição para retirar o documento que garante a isenção da taxa de inscrição. “Entendemos essa movimentação e para oferecer um serviço que atenda as necessidades dos doadores reservamos esse horário para atendê-los”, disse.
A assistente social, também destaca que o momento é uma oportunidade para reforçar a necessidade dos voluntários que irão fazer o concurso público renovar a doação de sangue. Ela lembra que o doador de medula óssea, faz uma única inscrição junto ao Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome), enquanto o doador de sangue pode contribuir com o serviço, nos intervalos previstos na legislação do sangue, orientada pelo Ministério da Saúde (MS) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).
“Conforme essas legislações o homem pode doar sangue a cada dois ou três meses e a mulher, a cada três ou quatro meses. É importante esclarecer para essas pessoas que estão buscando o serviço de Captação, que a doação deve ser um ato continuo, e dessa forma, todos podem colaborar com os estoques de todos os grupos sanguíneos”, ressalta Josceline.
Cada unidade de sangue doada pode salvar a vida de até quatro pacientes que precisam receber transfusões, como é o caso de pacientes com anemia falciforme, em tratamento oncológico, leucemias, vítimas de acidentes, e mulheres que tiveram complicações durante o parto.
Vale ressaltar que pacientes com anemia severa ou anemia falciforme podem precisar de transfusões frequentes para aumentar os níveis de ferro no sangue, enquanto doentes de câncer e pessoas passando por grandes cirurgias podem precisar receber transfusões de sangue e plaquetas para manutenção de seus tratamentos.
Campanha
O Hemocentro de Sergipe disponibiliza para o público os serviços de agendamento de campanhas para doação de sangue, o cadastro de medula óssea e visitas técnicas. Para saber como realizar as solicitações basta entrar em contato com o Serviço de Captação de Doadores. A unidade funciona diariamente de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 17h. Mais informações através dos telefones: (79) 3225-8000, 3225-8039 e 3259-3174.

fsphadm