ssocial.hemose@fsph.se.gov.br / ouvidoria@fsph.se.gov.br +55 79 3259-3174 / 3225-8037

Hemose: Palestra aborda doação de sangue e cadastro de medula óssea no CRO

Uma palestra sobre a importância da doação de sangue e do cadastro para doador de medula óssea deu início a campanha do Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose) em parceria com o Conselho Regional de Odontologia de Sergipe (CRO). A atividade educativa visa à divulgação e sensibilização dos profissionais para o ato regular da doação.

Na ocasião a assistente social, Josceline Souza, prestou informações sobre os serviços que antecedem a coleta de sangue. Ela informou que ao chegar ao hemocentro o voluntário, passa pelo cadastro, pré-triagem, triagem clinica e sala de coleta. Ela destacou que nesses setores os profissionais do hemocentro verificam o estado geral de saúde do doador. “Uma doação de sangue pode salvar até quatro vidas”, sinalizou.

Ela explicou também que o Hemose atende diariamente a demanda transfusional dos hospitais do Estado. E as parcerias com entidades de classe são instrumentos de fidelização de doadores, para garantir a manutenção dos estoques de todos os grupos sanguíneos, com uma média diária de até 120 doações. ”Esperamos contar com a adesão dos profissionais da odontologia seja através da doação individual ou da multiplicação dessas informações”, salientou a assistente social.

Sobre o cadastro de medula óssea a profissional detalhou que principais beneficiários do serviço, são pacientes com diagnósticos de leucemias. “Quando um paciente necessita do transplante, o primeiro passo é buscar um doador na família. No caso de não haver a compatibilidade entre familiares, a busca pelo doador é realizada através do Registro Nacional de Doador de Medula Óssea – Redome. Por isso a importância dessas parcerias, onde divulgamos o serviço e ampliamos o número de inscritos ao registro”, declarou a gestora da Captação.

Satisfeito com a participação dos colegas, o presidente do Conselho Regional de Odontologia, Anderson Lessa Siqueira, destacou que a iniciativa busca estimular a doação de sangue e a adesão ao cadastro de medula óssea. “Tivemos uma amiga próxima que necessitou de uma campanha há uns quatro anos atrás e, isso, sensibilizou a todos. Esse ano um dos conselheiros trouxe a proposta em uma plenária de realizarmos no mês de outubro, dedicado ao cirurgião dentista essa mobilização em prol da doação de sangue e o cadastro de medula óssea”, contou o profissional, que é doador de sangue regular.

Medula óssea

Nesse primeiro momento da parceria com o CRO, a equipe do Hemose realizou o cadastro de medula óssea. “Eu sempre quis ser doador de sangue, como não tenho peso adequado para doar, aproveitei a campanha aqui no órgão para fazer meu cadastro como doadora de medula óssea. Acho que o importante é ajudar”, disse colaboradora do Conselho, Itala Tassiana Primo.

Mais informações sobre os serviço do Hemose, através dos telefones: (79) 3225-8000, 3225-8039 e 3259-3174.

 

fsphadm